الاربعاء في ٢٢ تشرين الثاني ٢٠١٧ ، آخر تحديث : 10:06 م
YouTube Twitter Facebook RSS English French Portuguese
Gemayel: Aqueles que votaram em Miqati deveriam cooperar com ele, não colocar obstáculos em seu caminho
 
 
 
 
 
 
04-02-2011
 
O líder de Partido Falange Amin Gemayel realçou na quinta-feira que os aliados do PM Indicado Najib Miqati devem facilitar a sua missão de formar um novo governo.
Ele disse depois de conversar com o Embaixador Britânico no Líbano Francis Mary Guy que o campo de 14 de Março fez todo que ele poderia, encontrou Miqati, e o informou sobre a sua prontidão para manter o interesse de Líbano.

"Os lados que votaram por Miqati devem cooperar com ele para realizar as metas nacionais, mas tudo que temos notícias deles são obstáculos que complicam a sua missão," ele afirmou.

"As perguntas que propusemos são objetivas e a favor do país, mas não recebemos nenhuma resposta," observou Gemayel.

"As únicas respostas que recebemos foram de alguns membros do 8 de Março que procuram piorar a situação e aumentar a tensão, como se eles não quisessem uma solução ou a unidade nacional," ele acrescentou.

O pronunciamento do Presidente do Parlamento Nabih Berri que todos os lados devem participar na regra, ele comentou: "buscamos a sociedade, mas deve ser uma sociedade verdadeira."

Neste meio tempo, o Ministro de Trabalho interino Butros Harb afirmou na quinta-feira que O PM Indicado Najib Miqati está tentando permitir a participação de todos os poderes políticos no novo governo, inclusive as forças do 14 de Março.
Ele disse à Agência de Notícias Central que o campo do 14 de Março pode tomar parte no ministério se Miqati respeitar a questão do Tribunal Especial do Líbano e a posse de armas do Hizbullah, e se ele assegurar que as forças do 14 de Março sejam capazes de desempenhar um papel eficaz na prevenção de decisões que prejudicariam o Líbano.

"Se esses dois fatores forem fornecidos, então eles não se recusarão a cooperar com Miqati," ele acrescentou.

Harb observou que indicar primeiro-ministro enfrentará obstáculos maiores que aqueles que o nomearam.

Um pouco dessa miséria inclui o conteúdo da afirmação ministerial e a posição do campo do 8 de Março em relação ao STL, bem como o número de pastas que ele quer adquirir, ele disse.

"A formação do governo será complicada, especialmente se o membro do parlamento e líder de Movimento Patriótico Livre Michel Aoun mantiver a sua posição e exigências," indicou o ministro.
 
Para adicionar algum comentário, você tem que ser registrado no ou registada
 
Últimos Comentários
 
Nenhuns comentários até agora


 
أخبار متعلقة
لا يوجد أخبار متعلقة